Lobitos » Covil » Progresso » A Insígnia Mundial de Conservação da Natureza   Entrar ::  English  ::  Contactos
  Pesquisar

   Progresso

INSÍGNIA MUNDIAL DE CONSERVAÇÃO DA NATUREZA



A Insígnia Mundial de Conservação da Natureza foi lançada pelo Bureau Mundial do Escutismo em cooperação com o Fundo Mundial para a Natureza - (WWF - Internacional), uma Organização não governamental presente em numerosos países, dedicada à conservação da natureza e aos seus valores.

   



Objectivos e níveis da Insígnia:
A Insígnia tem quatro cores, a que correspondem quatro níveis,
-    Castanho (que representa a Terra) - Lobitos
-    Azul (que representa o Ar e a Água) - Exploradores
-    Verde (que representa a Vegetação) - Pioneiros
-    Amarelo (que representa a Energia) - Caminheiros



A Insígnia Mundial de Conservação da Natureza pretende ser uma tomada de consciência para a existência de um equilíbrio ecológico na Natureza e do papel e responsabilidades do Homem relativamente a esse equilíbrio. Assim:
Objectivos por níveis:


Castanho / a Terra
Os projectos no âmbito, desta Insígnia devem conduzir os Lobitos a:
−    Aumentar os seus conhecimentos e habilidades; - Adoptar uma atitude mais positiva face ao ambiente natu¬ral, que deve ser evidente na conduta de cada um.


Azul/o Ar e a Água
Esta etapa da Insígnia deve levar os Exploradores a:
−    Progredir na compreensão da necessidade existente de preservar o ambiente;
−    Capacitar de que os conhecimentos e habilidades adquiridas conduzem a uma acção mais positiva nas atitudes, no interesse pessoal e a um compromisso contínuo na defesa do ambiente.


Verde/ a Vegetação
Trabalhando nesta Insígnia, os Pioneiros devem compreender:
−    O que constitui o ambiente natural;
−    Verificar como é que as actividades do Homem podem afectar o ambiente.


Amarelo / a Energia
Esta etapa deve servir como incentivo à realização de projectos na Equipa ou no Clã, que motivem os Caminheiros a:
−    Desempenhar um papel importante na chamada de atenção à comunidade para a defesa do ambiente, intervindo com projectos em que a mesma possa ser envolvida;
−    Encarar o ambiente numa perspectiva global e assumirem um papel / atitude pessoal na defesa do mesmo.
 
Os projectos realizados no âmbito desta Insígnia devem ser conduzidos em Bando, Patrulha ou Equipa, embora os relatórios finais devam ser elaborados individualmente, reflectindo a vivência pessoal de cada um no que se refere ao projecto desenvolvido.


Mecanismos de atribuição da Insígnia:
Após a realização do projecto, cada Escuteiro deve elaborar um relatório final tão completo quanto possível, onde deverá descrever cada uma das fases porque este passou, desde a preparação, lançamento, concretização das acções e avaliação, acompanhado de fotografias, desenhos, etc. Este relatório poderá ser apresentado sob a forma de vídeo, diaporama ou qualquer outro suporte gráfico.

O Chefe de Unidade atesta a veracidade do cumprimento dos requisitos da Insígnia e da aplicação da metodologia educativa da Secção respectiva e remete o relatório à Junta Regional / Núcleo.

A Junta Regional / Núcleo atesta que a Unidade aplica a meto¬dologia escutista e remete o relatório para a Junta Central, depois de analisado e anotado com os comentários que se julguem necessários.

A Divisão Nacional de Ambiente confirma o uso da Insígnia e envia o diploma comprovativo a cada elemento, fazendo publicarem OSN a atribuição da mesma.

Após a atribuição da Insígnia, esta deverá ser colocada por cima do bolso direito do uniforme, junto da insígnia de campo, do lado direito desta.

A Insígnia deve ser retirada aquando da passagem à Secção seguinte.


IMPORTANTE
Esta insígnia, pelo seu conjunto de tarefas, deve ser preparada tendo em especial atenção o plano anual da unidade e articulada com o sistema de progresso. Toda e qualquer acção realizada para a obtenção desta Insígnia tem obviamente validade para qualquer requisito de atribuição das insígnias de competência e especialidade, bem como, das etapas de progresso ou vice-versa.

 Imprimir   




© 2008 Copyright - Portal Oficial do Corpo Nacional de Escutas - Todos os direitos reservados.
Colaboradores - Avisos legais - Sugestões/Erros